ideia de negocio

Importância de testar e validar a ideia de negócio

Caso você pretenda começar um novo empreendimento, deve testar a ideia de negócio antes de começar a investir. Validar ideia de negócio pode ajudá-lo a investir com mais segurança e a reduzir os riscos do negócio.

A validação indica, ainda, que você está focando seus esforços em um modelo de negócio que realmente funciona, pois está de acordo com as necessidades do ambiente em que será feita a aplicação.

Mas você sabe o que significa validar ideia de negócio? Como se faz isso? Quais pontos analisar para fazer a validação? Descubra, a seguir, tudo o que é preciso saber sobre o assunto!

Aprenda a testar a sua ideia

Uma pesquisa de mercado pode ajudá-lo a testar a validade de seu negócio e criar um plano de negócios. Ela pode ajudar você a definir em que deverá investir recursos, qual público atingir, como estabelecer preços, quais estratégias de marketing adotar.

É capaz, ainda, de indicar se existe necessidade de mudar a ideia de negócio para se tornar mais competitivo. É preciso muita atenção, dedicação e bons métodos até que uma ideia possa confirmar sua validade e se tornar um negócio rentável.

Conheça o exemplo do YouTube

Muitas empresas trazem ideias inovadoras que, infelizmente, não dão certo. Por isso, é importante fazer avaliações constantes e, se for o caso, mudar o rumo. Foi o que aconteceu com o YouTube, famosa plataforma de compartilhamento de vídeos, fundada em 2005 por Chad Hurley, Steve Chen e Jawed Karim.

A ideia inicial era atuar como um site de namoros por vídeo, porém, não deu muito certo. Então eles decidiram focar apenas no compartilhamento de vídeos. O sucesso foi tão grande que, em 2006, o Google comprou o YouTube por 1,65 bilhão de dólares.

Saiba como começar

O primeiro passo para validar ideia de negócio é investigar se alguém já teve a mesma ideia que você. Mesmo que alguém já tenha pensado em algo semelhante (o que é bem provável), você não deve, por esse motivo, desistir da ideia.

Procure encontrar diferenciais e promover melhorias para tornar a sua iniciativa mais competitiva. Verifique também se já existe algum negócio semelhante no mercado internacional (o que pode ser um indício de que a sua ideia é boa) e procure aprender com ele.

Utilize as redes sociais

Atualmente, as redes sociais têm uma grande importância para as pesquisas de mercado, dado seu alcance e abrangência com relação ao público. Teste nos sites de relacionamento como as pessoas recebem a ideia de seu produto ou serviço.

Você também pode obter informações úteis coletando dados de pesquisas de mercado realizadas por outras empresas disponíveis na internet.

Converse com as pessoas

Na fase seguinte, procure conversar com pessoas ao seu redor, principalmente aquelas em quem você confia. Também é bom procurar profissionais que conheçam bem a área em que você deseja atuar.

Saber ouvir outras pessoas é muito importante para testar se uma ideia é boa mesmo. Caso ninguém mais aposte no sucesso de sua ideia, talvez você deva refazer os seus planos. Saiba aceitar críticas e esteja atento aos feedbacks das pessoas.

Que tal colocar essas dicas em prática na sua própria loja virtual?

Saiba quais pontos você deve considerar

Para analisar o ponto de vista mercadológico, você deve considerar diferentes aspectos do modelo de negócio, como:

  • o perfil e o tamanho do público-alvo;
  • o preço e o posicionamento do produto ou serviço;
  • os canais de distribuição;
  • o relacionamento com clientes potenciais;
  • a fonte de receita;
  • possíveis parcerias para o negócio;
  • estrutura de custos;
  • estratégias para implementar a empresa, entre outros itens.

Caso você queira montar um e-commerce, por exemplo, deve escolher cuidadosamente o seu nicho, observar a demanda, considerar a concorrência, atentar para a sazonalidade etc.

Realize um teste de conceito

Uma pesquisa mais conceitual e panorâmica poderá lhe informar sobre o tamanho do mercado no qual você pretende atuar, em que fase de maturidade ele se encontra e qual é a melhor forma de se posicionar neste mercado.

Além disso, o teste de conceito possibilita que você confirme qual é o perfil do seu público-alvo e entenda suas necessidades e seus desejos. Antes de produzir uma grande quantidade de produtos, alguns aspectos devem ser avaliados. Você deve ser capaz de responder a perguntas como:

  • Quem é meu cliente?
  • Quais são as suas necessidades?
  • Que soluções eu ofereço?
  • Quanto ele está disposto a pagar?
  • Qual a dimensão do mercado?
  • Quanto custa a matéria-prima?
  • Como é a logística de distribuição?
  • É possível montar o negócio com menos dinheiro?

Utilize o MVP para validar ideia de negócio

Quando seu negócio já estiver em fase de desenvolvimento, você deve procurar testar suas hipóteses. Para isso, utilize a ferramenta Minimum Viable Product, que consiste na realização de experimentações práticas realizadas com um protótipo do produto ou serviço desenvolvido com um mínimo de recursos e levado a um grupo seleto de clientes.

Com essa ferramenta, você pode testar na prática a reação do mercado ao seu negócio e obter a principal proposta de valor.

Contate clientes e teste seu protótipo

Para fazer essa experimentação, comece fazendo contatos com o público por telefone ou por meio de uma landing page, apresente o seu negócio e procure gerar leads. Com base nesses leads, formule hipóteses e métricas a serem usadas nos protótipos e experimentações diversas realizadas com a ferramenta MVP.

Verifique se o produto ou serviço funciona e atende às expectativas dos clientes — esteja sempre atento aos feedbacks deles. Assim você poderá visualizar o que é preciso para produzir seu produto ou serviço, quais desafios técnicos terá de enfrentar, quais serão os custos, entre outros fatores.

Como vimos, algumas ferramentas possibilitam que você reúna as informações necessárias para validar ideia de negócio e assim aumentar a sua probabilidade de sucesso. Na área de negócios, os erros podem custar bem caro, portanto não há espaço para “achismos”.

Lembre-se sempre de que é muito mais fácil criar um negócio voltado para uma demanda de mercado já existente do que tentar criar demanda para viabilizar o seu negócio.

Se você quer saber mais sobre como viabilizar seu negócio e implementar suas vendas, aproveite e confira mais um de nossos posts: Conheça os 7 pilares das vendas online!

Este post tem um comentário

  1. Boa tarde.
    Estou querendo abrir uma loja de cosméticos e perfumaria em Alvorada do Norte, interior de Goiás.Nessa loja tenho a pretensão de fazer as vendas físicas (já pesquisei e ainda não existe a demanda virtual, por se tratar de uma cidade onde a renda é praticamente da zona rural), e a clientela não tem acesso aos produtos virtuais. Não existe esse tipo de empreendimento na cidade, logo a concorrência é quase zero a não ser por alguns itens vendidos em supermercados e drogarias locais.
    Estou tentando montar meu planejamento. Quero uma loja de pequeno porte para iniciar, se der certo futuramente arrumo um local maior. Estou tendo dificuldades principalmente com a parte financeira e com os fornecedores dos produtos, pois apesar de conhecer bastante os produtos a serem comercializados tenho quase zero de conhecimento com os fornecedores.

Deixe uma resposta

Envie este artigo para um amigo...

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Achamos que você vai se interessar também...