Plataforma de loja virtual: descubra aqui como escolher a sua

Independência financeira, liberdade de trabalho e autogestão do tempo são alguns dos motivos que levam uma pessoa a querer trabalhar pela internet. E o e-commerce tem sido um dos negócios preferidos por muitas pessoas. Sem contar que muitas lojas físicas também investem no meio virtual. Aqui, entra uma tarefa aparentemente árdua: escolher a plataforma de loja virtual ideal para o seu negócio.

São muitos fatores que merecem atenção durante esse processo, que é provavelmente um dos mais importantes para o sucesso na empreitada de montar uma loja virtual.

Saiba o que é uma plataforma de loja virtual

Mas o que seria uma plataforma de loja virtual? Bem, nada mais é do que o ambiente ou o sistema que sustenta a venda de produtos ou serviços online, com recursos e ferramentas desenvolvidos especialmente para esse tipo de negócio. Se fizermos uma analogia com o mundo físico, imagine que escolher a plataforma adequada seja semelhante a visitar imobiliárias à procura do imóvel perfeito para instalar sua loja.

Como não se trata de algo tão fácil de decidir, daremos uma ajudinha a você. Acompanhe alguns dos fatores mais importantes para se levar em consideração na hora de escolher sua plataforma loja virtual.

Analise o custo-benefício

Provavelmente, esse é o primeiro fator que a grande maioria das pessoas analisa. Não à toa, afinal, tirar dinheiro do próprio bolso para investir num negócio é um risco. E, como todo risco, quem investe está sempre otimista com o retorno.

A princípio, o custo de diversas plataformas de e-commerce disponíveis no mercado pode parecer bastante competitivo. Por isso, preste muita atenção aos recursos disponíveis em cada uma. Não se trata da quantidade de funcionalidades inclusas, você deve avaliar se a plataforma tem ferramentas essenciais para o seu negócio online. Ou seja: quais benefícios que ela oferece?

Há muitas plataformas gratuitas no mercado, mas quase sempre compensa mais investir em uma que, apesar de paga, possui os recursos essenciais para deslanchar o seu negócio. É disso que se trata o fator custo-benefício.

Compare os recursos de acordo com o seu tipo de negócio

Antes de decidir por uma plataforma, tenha ciência do que você está vendendo. Nem todas as plataformas de e-commerce são adequadas a todos os tipos de negócios. O tipo de produto ou serviço que você deseja vender vai ajudar a determinar qual plataforma você deve ou não usar.

Enquanto certas plataformas de e-commerce são desenvolvidas para suportar, por exemplo, tanto produtos físicos quanto digitais, outras suportam apenas um dos dois. Algumas permitem que você tenha produtos ilimitados, mas há outras que estabelecem uma quantidade máxima. E há aquelas que preferem criar planos diferentes para o tamanho do seu negócio; o que pode ser bom para quem tem poucos produtos, pois o valor de pagamento se torna bem menor.

Também há outra questão: há plataformas que permitem o controle total do inventário e múltiplas opções de descrição do produto. Do contrário, há outras bem limitantes que permitem apenas a entrada de texto sem formatação, por exemplo.

A Boxloja, por exemplo, é um modelo de plataforma que possui recursos muito simples e fáceis de usar, mas que são poderosos para todo tipo de negócio, facilitando ao máximo o processo de montar uma loja virtual.

Que tal colocar essas dicas em prática na sua própria loja virtual?

Verifique as opções de design

Como você imagina o visual da sua loja? Esse ponto é importante, pois a aparência é a primeira coisa que os clientes notam quando acessam um portal.

A maioria das plataformas de e-commerce já vem com diversos temas prontos para escolher, entre alternativas gratuitas e pagas. E também existem outras que oferecem a opção de você usar um tema próprio. Os pontos mais importantes em relação ao design, além de ser visualmente agradável, são:

  • Ser responsivo (pois cada vez mais aumenta o número de pessoas que utilizam tablets e smartphones para fazer compras on-line);
  • Ter boa usabilidade;
  • Ser leve, de rápido carregamento.

Confira as integrações

Outro ponto importante é conferir se a plataforma permite integrações externas que sejam úteis, especialmente com intermediadores de pagamento, como o PagSeugro, PayPal, BCash, Moip, entre outros. Não verifique apenas se a plataforma permite essa integração, mas também se ela é fácil de executar e livre de erros.

Além disso, é fundamental que a plataforma possua uma usabilidade funcional para o carrinho de compras. Muitas compras não são concluídas devido a problemas com o checkout; seja pela dificuldade de lidar com o carrinho, seja pelo excesso de informações solicitadas ao cliente antes de finalizar a compra, por exemplo.

Outro tipo de integração interessante a se considerar é com ferramentas que permitam maior relacionamento com os clientes como, por exemplo:

  • Newsletter e e-mail marketing;
  • Chat on-line para conversar com o cliente em tempo real;
  • Classificação de produtos comprados, para que o cliente atribua uma nota e descreva sua impressão do produto.

Escolha o tipo de hospedagem adequada

Hospedar a loja por conta própria ou permitir que sua plataforma o faça? Há prós e contras nas duas opções e você deve escolher o que for melhor, de acordo com:

  • O seu conhecimento técnico;
  • Sua disponibilidade para arcar com as responsabilidades;
  • O nível de controle que deseja.

Hospedar por conta permite que você tenha imenso controle sobre as suas ferramentas, mas isso implica ter total responsabilidade por vários fatores, entre os quais:

  • A manutenção e a disponibilidade do site;
  • Segurança para os dados pessoais e comerciais dos seus clientes (e isso é de extrema importância para enfrentar as crescentes estatísticas de fraudes em comércio eletrônico);
  • Atualizações de software;
  • Correção de possíveis problemas técnicos.

Por outro lado, deixar a hospedagem por conta da plataforma de e-commerce significa menos dor de cabeça em atualizações, suporte técnico e manutenção. Essa é a melhor opção, caso você não se importe com a limitação do controle sobre determinados aspectos. É também a alternativa preferida pela maioria, já que não há a necessidade de contratar especialistas técnicos e nem dominar linguagens de programação.

Seguindo esses passos simples, não haverá problema na hora de escolher a plataforma de e-commerce ideal para sua empresa. O importante é encontrar aquela que cumpra os requisitos essenciais para garantir à sua loja o sucesso que merece, sem se preocupar com detalhes que não sejam pertinentes ao negócio em si.

E você pode encontrar todas essas facilidades num único lugar. A Boxloja é o jeito mais fácil de você iniciar o seu e-commerce. Entre em contato com a gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Envie este artigo para um amigo...

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Achamos que você vai se interessar também...