Conheça a loja virtual que encantou o mundo e revolucionou as vendas online

Quando pensamos em construir um negócio do zero, os obstáculos, às vezes, parecem grandes demais. Logística, divulgação, atendimento ao cliente, segurança, finanças, tecnologia… São muitas áreas para cuidar e muita gente desiste diante de tanta informação.

Essas dificuldades estão te desanimando? Pois saiba que com uma boa ideia e muita motivação, elas ficarão para trás em um instante!

Para te provar que é possível construir um império do nada, conheça a história da Amazon, uma loja virtual que começou com livros estocados dentro de casa e hoje é a maior empresa de e-commerce no mundo.

Boa leitura!

Uma história de visão e persistência

Para começar a contar essa história precisamos voltar a 1994, época em que a internet começava a se popularizar. Naquele ano, um americano chamado Jeff Bezos decidiu que era uma boa ideia usar a rede para vender produtos.

O início

Naquela época era difícil imaginar o que a internet se tornaria. Mesmo assim, Bezos estava determinado a desbravar esse mercado e a criar um negócio próprio. Sua primeira atitude foi fazer uma pesquisa de mercado para decidir o que vender, uma dica de ouro para quem quer ter o mesmo sucesso.

Bezos buscou informação para descobrir quais eram os itens que as pessoas mais comprariam na internet. Em primeiro lugar estava a música, mas as gravadoras ainda detinham muito poder sobre a distribuição nesse mercado (o primeiro iPod surgiu apenas em 2001).

Qual item ficou na segunda posição? Sim, os livros. Foi assim que Jeff Bezos criou a Amazon, nome que ele deu para traduzir o volume de vendas que a empresa teria no futuro. Com um escritório na garagem e os primeiros livros estocados em uma casa de três quartos, ele iniciou em 1995 a operação do que seria a maior loja virtual do mundo.

O crescimento

Com uma boa ideia, uma boa oportunidade de mercado e uma estratégia bem definida, a Amazon rapidamente se tornou uma gigante do e-commerce. Em um mês a loja já vendia para 45 países. Em 1998, ela começou a vender outros produtos além dos livros e a incomodar as gigantes consolidadas no mercado.

Atualmente, a Amazon fatura mais de US$ 100 bilhões por ano e está presente em todo o mundo, com braços em várias áreas. Ela hoje aposta, inclusive, em produtos próprios, data centers e pesquisas de novas tecnologias.

As inovações

Um dos principais motivos do sucesso da Amazon é a vocação de seu fundador para inovar. Jeff Bezos sempre buscou novas formas de facilitar a vida das pessoas com soluções inteligentes.

Atualmente ele investe até em seu próprio programa espacial! O maior exemplo de inovação da Amazon é o Kindle. Imagine ser líder do mercado de livros físicos e decidir investir em livros virtuais?

Pois foi exatamente isso que Bezos fez. Com estudo e pesquisa, a Amazon foi a primeira empresa a viabilizar comercialmente os e-readers, aparelhos com uma tela que simula o papel e armazena milhares de títulos de uma vez.

A importância da Amazon para o e-commerce

A empresa de Jeff Bezos se tornou grande por ir muito além dos livros. Depois, se tornou maior ainda por ir muito além da venda de mercadorias. Desde o início de sua operação, o grande foco da Amazon é tornar a vida dos consumidores prática e o processo de produção e venda, eficiente e econômico.

Veja algumas ações da Amazon que influenciaram diretamente todo o e-commerce mundial:

Que tal colocar essas dicas em prática na sua própria loja virtual?

Experiência do usuário

Você já deve ter visto em alguma loja virtual o botão “Compre com 1 clique”, certo? Essa é uma invenção da Amazon que exemplifica bem o cuidado da empresa de Bezos com a praticidade do cliente.

Você clica e pronto, a compra foi efetivada. Simples assim. A Amazon busca constantemente melhorar a experiência comercial e, geralmente, suas ações são copiadas por todo o mercado.

Criação de novos mercados

A Amazon se tornou a gigante que é sendo pioneira e buscando constantemente novas oportunidades. O Kindle é um grande exemplo disso. Antes dele, o mercado de livros digitais praticamente não existia. Hoje, ele cresce ano a ano com o investimento de diversas empresas.

Em várias outras áreas a empresa de Jeff Bezos ajuda a consolidar mercados. Alguns exemplos são o uso de tablets e telefones próprios, pensados para o consumo de conteúdo da empresa, e de assistentes virtuais para comandar a casa.

Logística automatizada

Não é só na hora de vender que a Amazon influencia o mercado. Sua constante pesquisa em logística vem ajudando toda a indústria a baratear custos de operação e, com isso, diminuir o preço para o consumidor.

É muito fácil se perder na hora de operar uma loja virtual. Afinal, é preciso gerenciar muitos detalhes, especialmente no que diz respeito ao estoque. Por isso, Jeff Bezos sempre buscou formas de melhorar a logística. Atualmente, a Amazon adquiriu uma empresa de robótica e investe em robôs para gerenciar estoques, garantindo eficiência e preços mais baixos.

O que a Amazon guarda para o futuro

Com essa vocação para inovar, a Amazon não pretende tão cedo parar de apresentar novidades para o mercado. Por isso, a empresa investe constantemente em pesquisa tecnológica. Confira três novidades que a Amazon vem testando e que podem fazer parte do nosso dia a dia muito em breve!

Entrega por drones

No fim do ano passado, a Amazon fez a sua primeira entrega por drones: uma Amazon Fire TV e um pacote de pipoca. Essa é uma das grandes apostas da empresa para baratear e tornar mais rápida a entrega de mercadorias. Quem sabe no futuro você só precise abrir a janela para receber um produto?

Amazon Go

Essa é a prova de que inovação tem a ver com unir ideias existentes para criar uma nova. O Amazon Go é um supermercado que une a praticidade na compra por um clique à conveniência de ir fazer as compras fisicamente.

Em seu primeiro mercado experimental, o cliente usa o celular para registrar sua entrada, escolhe os produtos que quiser nas prateleiras e vai embora. E é só isso! O sistema reconhece tudo o que você comprou e manda a conta diretamente para o seu cartão, sem fila e sem caixa.

Amazon Dash Button

O Dash Button não é mais apenas um experimento, ele já vem sendo usado nos EUA. Seguindo a filosofia de facilitar a vida do consumidor, ele também vem fazendo sucesso. O botão tem uma face adesiva para que você cole onde quiser na sua casa e é configurado para fazer a compra de um produto específico.

Imagine que a pasta de dente está acabando. Basta apertar o botão e a compra está feita. Dependendo do local em que o cliente mora, o produto chega no mesmo dia. Incrível, não?

A história da Amazon não é apenas interessante, é uma lição de negócios para quem quer criar a própria loja virtual. Para ter sucesso, aumentar vendas e ampliar o negócio, é preciso ter persistência, inovar, buscar novas oportunidades e sempre (sempre!) trabalhar para facilitar a vida do seu cliente.

Se você ainda não começou a vender online, está na hora. Conheça seu mercado, estude as oportunidades e vá em frente. Se não sabe por onde começar, veja este artigo sobre como montar uma loja virtual de cosméticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Envie este artigo para um amigo...

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Achamos que você vai se interessar também...